Eu só poderia ser livre…

   Após ouvir aquelas palavras. Não que elas tenham mudado algo, não, nada mudou, mas, somente elas poderiam desatar aqueles nós, me deixar bem, enfim.
   Não mais pensar nele, nem imaginar como tudo poderia ser. Não mais lamentar o tempo perdido com uma ilusão, uma ilusão repleta de defeitos incorrigíveis da realidade, contudo, uma belíssima ilusão.
   Não mais sofrer por ele, agora já passou. Agora estou em paz. Página virada, agora sim, posso descansar.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ano Três