Como começar.. ?


Bem, pra começar, eu sou egoísta, tola, sensível, grosseira e muito lerda. Tenho mania de ficar escrevendo "enfim", "bem" e "então". Encho minhas frases com essas palavras, principalemente no início, fato. O que tenho a dizer é que escrevo, na maioria das vezes, de acordo com o que realmente sinto. Prefiro escrever em inglês, porque as palavras soam melhor na minha cabeça. Eu penso em inglês.
Antes que eu me esqueça, eu não prestei muita atenção nas aulas de português sobre o uso correto dos "por quês". Sério, vivo errando essa merda.

Nem tem muito o que falar sobre mim, apenas que eu vivo pela música, eu vivo de música... Sim, música é a minha vida, fato ! E de resto, pouco interessa quem eu realmente sou; aqui eu serei quem eu quiser e... Honestamente, não acho que alguém vá ler qualquer coisa escrita aqui, e, se algum dia, eu ver algum comentário, acho que choro de emoção ! Haha
De qualquer forma, eu estou acostumada a escrever apenas para mim mesma, abstraindo o fato de eu ter uma amiga, uma outra metade (o meu 'eu maligno') que lê absolutamente tudo (ou quase) que eu escrevo. Aproveitando que estou falando sobre ela, é bom dizer que ela quem pensou no http desse blog, quando nós planejávamos ter um blog para nós duas. (Lika, espero que não se importe, eu vivo te plagiando mesmo, e eu sou um fracasso no que se trata de dar nomes, títulos, etc etc etc)

Falando sobre amizades, eu não tenho muitas amigas, ou amigos. Mas, admiro os que tenho, inclusive, um deles, Nati (uma garota) é quem, um dia, me encorajou a fazer um blog (her fault).

Então, já fico por aqui. Não tenho a mínima idéia (oi, nem ligo pra nova regra ortográfica) do que escrever nesse primeiro post...

Ciao !

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Ano Três